O uso de celular causa câncer?

O uso de celular causa câncer?
20 de janeiro de 2020 Marketing

Devido à radiação a qual as pessoas são expostas no contato diário  com equipamentos tecnológicos, pesquisas esclarecem se há relação entre celular e câncer.

Há atualmente muita  fake news quando se fala da relação entre celular e câncer no cérebro. Porém, profissionais da área da saúde afirmam que o uso desse equipamento não é uma causa da doença, afinal, não foi realizada qualquer comprovação.

O estudo do IARC após a análise de dados e pesquisas feitas quanto ao assunto até hoje chegou a conclusão de que é possível que haja relação de algum câncer cerebral com os celulares, porém, eles mesmos elencam tal afirmação como uma teoria, pelo fato justamente de não haver novas pesquisas. 

Ao promover a Campanha O câncer não pode acabar com a vontade de viver o Ministério da Saúde explica que “as causas de câncer são variadas, podendo ser externas ou internas ao organismo, estando ambas inter-relacionadas”, ou seja, os fatores de risco podem estar relacionados com a origem da doença.

Dessa forma, atualmente o tabagismo e a obesidade, de acordo com o MS, estão como os principais fatores de risco para diversos cânceres. O câncer da cavidade oral, por exemplo, possui correlação com o uso de álcool e tabaco, com as primeiras manifestações após anos de exposição única ou contínua.

As radiações naturais e não naturais elencadas como preocupantes são “os raios cósmicos, radiação proveniente da crosta terrestre, radiografia (raios X), tomografia, mamografia, radioterapia, medicina nuclear, braquiterapia”, fazendo com que os principais fatores de risco atualmente sejam:

  • Tabagismo
  • Alimentação
  • Peso corporal
  • Hábitos sexuais
  • Fatores ocupacionais
  • Bebidas alcoólicas
  • Exposição solar
  • Radiações
  • Medicamentos

Pelo fato de alguns hábitos serem elencados como fatores de risco, torna-se urgente a mudança de postura por parte de quem ainda se alimenta incorretamente, é tabagista, alcoólatra e demais atitudes, a fim de se prevenir de um mal futuro.